Alimentação antioxidante e anti-inflamatória e a saúde do idoso


Diversas são as inflamações crônicas que tem sido relacionadas com câncer, diabetes, artrite, depressão e Alzheimer, bem como as doenças cardiovasculares.

Estudos mostram que o consumo exacerbado de alimentos pró-inflamatórios promove maior estímulo imunológico podendo desencadear reações degenerativas em diversos sistemas. Dados de um estudo mostrou que idosos com alimentação pró-inflamatória, após a aplicação de questionário de frequência alimentar, apresentaram risco de osteoartrite.

Além disso o baixo consumo de nutrientes que suportam o equilíbrio do sistema antioxidante também é relatado como gatilho para desordens que afetam a saúde muscular, contribuindo com os índices de fragilidade nessa faixa etária.

Assim, é imprescindível considerar o adequado aporte de vitaminas, minerais e fitoquímicos anti-inflamatórios e antioxidantes. Alimentos anti-inflamatórios: tomate, alguns pescados (salmão, cavalinha, sardinha e atum), nozes, amêndoas, azeite, folhas verdes, cereja, mirtilo, morango e laranja.


Manter uma alimentação saudável na terceira idade é mais saúde, é mais vida!

Larissa Pessoa - Nutricionista

4 visualizações

Rua Deputado Eliseu Teixeira, 488 , Ponta Verde, Maceió, Alagoas. CEP: 57035-240

TRABALHE CONOSCO: curriculo@hospitalvida.com

Tel: 82 3214.9700

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle